Representantes de Deus na Terra

Os dois eventos que aconteceram no dia de hoje em âmbito nacional e internacional me deixaram triste: a atenção exagerada ao nascimento do novo príncipe, e a também exagerada atenção à chegada do Papa ao Brasil.

As duas situações expõe um ser humano entretido em ser mandado por uma “classe mais alta”. O Papa foi eleito por meia dúzia de amigos da milenar instituição em que o corporativismo está acima de tudo, e o poder deles é derivado do vazio interior propiciado pela espiritualidade. O outro é um príncipe que nasceu de outro, que tem seu poder derivado de seu nascimento de sorte, da sua linhagem.

É certo que somos livres para não seguir os ensinamentos da Igreja e ajoelhar ao Papa, e que também não estamos mais na época de Reis na Inglaterra, mas a atenção exagerada aos eventos demonstra que isso é apenas um detalhe. O rebanho nunca deixou de estar pronto para ser conduzido por um Rei ou por um Papa.

Será que em algum ponto da história o ser humano esteve tão avançado e tão retrógrado ao mesmo tempo?

Postado em 22/7/2013 por Leo Carlos • Comentar »

Por que a Gafisa vai mal?

fachada-gafisa-construtora-1996-size-598

Um construtora gigantesca vai mal. Em 2012 o prejuízo da companhia foi de 120 milhões – muito menos do que o prejuízo de 1 bilhão de em 2011. Aí qualquer um que vê a cena se pergunta: mas por quê?

Pois bem: ano passado mesmo com o prejuízo estrondoso de 120 milhões, os executivos receberam mais de 90 milhões entre bônus e opções de ações. E no primeiro trimestre desse ano, com prejuízo de 55 milhões, os executivos angariaram 15 milhões.

O comportamento fez a gestora de fundos Rio Bravo desinvestir seu capital na empresa com a emblemática pergunta:

“Afinal, quais são as métricas que norteiam a companhia?”

O comportamento dos executivos da Gafisa é um exemplo claro da falta de qualidade de gestão da maioria das empresas que estão na bolsa brasileira. Enquanto os acionistas arcam com prejuízos milionários, os engravatados garantem seus gordos “bônus” por um desempenho lamentável.

Some essa história com a decadência das empresas X e terá incompetência pura, e a prova matemática de que o Brasil, desde que foi “descoberto”, é apenas uma terra para ser explorada até o último tijolo.

Postado em 18/7/2013 por Leo Carlos • Comentar »

Protesto contra Cabral no RJ ganha força

Enquanto o resto do país esfria, no Rio de Janeiro os protestos continuam, em menor número, mas fazendo mais barulho no ouvido dos governantes. O Governador Sérgio Cabral é o alvo, na noite desta quarta-feira. Mais de 700 pessoas fazem coro na frente do seu apartamento no Leblon, o famoso metro quadrado mais caro do Brasil.

Além dos gritos de ordem, os manifestantes projetaram imagens direto na sacada do apartamento de Cabral. O condomínio que provavelmente se orgulhava de ter como morador o governador do Rio de Janeiro, hoje arrepende-se de morar próximo dele.

No Facebook, o jornal Estadão publicou uma foto e noticiou que os vizinhos de Cabral estão revoltados: ‘Estão cerceando meu direito de ir e vir’.

BPaoD1_CIAAoGH0

Promotores do Ministério Público e 15 advogados acompanham as manifestações para dar qualquer suporte necessário aos manifestantes e registrar possíveis abusos da Polícia Militar.

Oficialmente, a declaração do governador é que essas manifestações são coisas da oposição. Nós do Novo Mundo achamos que o fato do Senhor Governador morar no Leblon diz muito mais coisas que o próprio tenta falar nas suas declarações.

Postado em 17/7/2013 por Leo Carlos • Comentar »

Na Turquia, Governo ameaça usar o exército contra manifestantes

turquia-600x400

O Primeiro Ministro turco disse que a polícia irá usar “todo o poder disponível” para acabar com o levante de manifestações, e que se não for suficiente, o exército será utilizado. O aviso acontece depois de cinco grandes sindicatos anunciarem greve geral no país.

Desde o começo dos protestos há três semanas, 5 pessoas morreram e mais de 5 mil foram feridas.

Postado em 18/6/2013 por Leo Carlos • Comments Off

Dilma vaiada durante abertura da Copa das Confederações

O Presidente da FIFA perguntou para a Dilma se os brasileiros não tinham educação, então Dilma respondeu “Não investi nisso!”.

Postado em 15/6/2013 por Leo Carlos • Comments Off